Quarta-feira, 30 de Maio de 2007

CRÓNICAS DO MEU TEMPO EM FARO


 
Quando eu comecei na Escola Comercial em FARO a 7 de Outubro de 1952, a minha mãe hospedou-me ali perto da estação. Havia por ali uma tasca que ficava a uma esquina e à esquerda, quando se saía da estação para o caminho do hotel EVA. Conto isto para dizer que nessa tasca trabalhava lá um cavalheiro de côr, a quem a gente chamava “o preto” e o preto chamava-se Zacarias. A rapaziada passava por lá e ficava admirado e espantado com o preto. O preto não tinha nada de especial; era um preto apenas mas para nós era novidade. Parece-me que foi o primeiro preto a residir em Faro. 
 
Nesse caminho da estação para o hotel EVA, avenida da República creio, havia ali um terreno tipo baldio, onde se instalavam carros de mula para alugar, cujos proprietários vinham dos arrabaldes. Ali, nesse terreno, a malta jogava hóquei em campo onde o Zé João Bico, hoje distinto oficial da Marinha era o maior. Lembro-me também de jogar lá o Orlando. 
 
Ali a seguir à paragem das camionetas da EVA, havia o café Coelho que já desapareceu. Continuando havia o Seita a tirar retratos com a gaiola `a la minute. Nas costas do Seita ficava o quiosque Vieguinhas, pai do Carlos Alberto meu colega na Escola Comercial e muito amigo do Justino, do Banco Borges e do Verdelhão, tal como o CA emigrado na Alemanha. Nesse tempo no Jardim havia ali três ou quatro engraxadores....
 
E depois lá estava a Rua de Santo António, onde passeava o LÓ o sportinguista da cortiça, havia a Sapataria Atlas do preço fixo que já falei aqui e era ali ao lado da Papelaria Silva e da TAP onde trabalhou o Ludgero Farinha da Escola Comercial e grande jogador de Hóquei em Patins. Ao fundo da Rua de Santo António depois da Pontinha ficava a Mocidade Portuguesa do senhor Marmota. 
 
Figuras típicas da cidade o Gaiana, o Coelhinho, o Menino Chico, o Caça Brava, o Cartaxo, o Manel dos Bigodes, e outros.
 
Professores Ilustres o Vergilio Ferreira e o Zeca Afonso..  
 
Boémio o JOVITO.
 
Pessoas da Escola Comercial e do Liceu desse tempo, que se tornaram célebres foram, o Casimiro de Brito, hoje intelectual e poeta, o João Leal professor e jornalista, o Mário Zambujal     escritor e autor de peças de Teatro, a Maria José Fraqueza professora e poetisa, o Almirante Brito Afonso de Bordeira, o Brigadeiro Salvador Carvalho da minha terra, o Patacão, que foi chefe da Polícia aí em Faro, o Negrão Belo o melhor fundista do meu tempo e foi Presidente da Câmara, o Jaime Machado hoje meritíssimo Juíz, o Herlander Estrela, meu colega de turrma, que foi Secretário de Estado das Finanças e Administrador do Banco de Portugal e do Montepio Geral e tantos outros. ..
Para quando um levantamento destas grandes figuras da cidade euma festa de confraternização?.... 
João Brito Sousa
 
João Brito de Sousa
publicado por SOUSINHA às 08:16
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. FICA SUSPENSO ATÉ NOVA OR...

. A HORTA BIOLÓGICA

. AS GEADAS

. A CARVOARIA DO PASSOS

. UTENSÍLIOS AGRÍCOLAS

. O TREINO DO SENHOR CARVAL...

. FARO DENTRO DAS MURALHAS

. UM BOM FIM DE SEMANA

. IGREJA DE S. PEDRO

. A RUA DOS BRACIAIS

. AO POETA MANUEL JOSÉ E F...

. A HORTA DOS BRITOS

. O MEU PRIMO SEBASTIÃO BRI...

. AS MOÇAS E OS MOÇOS DO M...

. POESIA DO DR. UVA

. ALÓ SANTA BÁRBAAR DE NEXE...

. FOMOS JOGAR À FALFOSA.

. ESTAMOS A VOLTAR.

. TUDO CHEGA AO FIM.... ATÉ...

. DA IMPRENSA

. VIVA A SOLEDADE URBANO.

. HOUVE FESTA NO SÍTIO DA A...

. AS HORTAS E A GRICULTURA...

. A FRASE DE HOJE

. PORQUE HOJE É DOMINGO

. BOM FIM DE SEMANA PARA TO...

. VELHO DO RESTELO

. CHEGUEI...

. EU NÃO POSSO ACREDITAR...

. A VIDA DIFÍCIL DOS MIÚDOS...

.arquivos

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.favoritos

. SANTA BÁRBARA DE NEXE

blogs SAPO

.subscrever feeds