Quinta-feira, 7 de Junho de 2007

A BRAVATA INCONSEQUENTE DO ADOLFO..

BRAVATA, .

não é termo muito corrente.

No universo do meu léxico encontrava um sinónimo para aquela palavra e esse era algo próximo de disparate ou algo parecido. Na dúvida fui até um dicionário por aqui disponível e encontrei "ameaça ridícula e vã", "fanfarronada" e "alarde arrogante". Toda a figura pública é passível de crítica e a ela se expõe quando assim se assume. Pelos seus comportamentos e actos, pelas suas ideias, pelas suas análises e decisões. E Q

Quando essa figura é um escritor que tenta transmitir as suas ideias a toda uma sociedade, por mais geniais que elas sejam, será sempre objecto de análise e estará sempre sujeito a crítica. A crítica, tida como emissão de opinião, pode sempre advir de um génio que emparelha similitude de conhecimentos e capacidades ou de um qualquer dos comuns dos mortais que, tendo capacidade para pensar, a explicita na forma que a sente e a compreende. Nenhum ser humano se deve arrogar o direito de exigir vassalagem dos seus semelhantes por mais génio que tenha tido a fortuna de assim haver nascido.

 É exactamente na ausência desse dever de vassalagem que baseio o direito a emitir opinião sobre qualquer obra de qualquer génio. E não me considero fanfarrão nem tento alardear arrogâncias despropositadas e, muito menos, tento ameaçar ridiculamente o cariz extraordinário da obra do génio em causa. No campo das ideias, todas as opiniões, por muito válidas que sejam, estarão sempre sujeitas a considerações discordantes.

 arnaldo silva felizmente reformado

COMENTÁRIO.

Já comentei esta ideia, nos comentários ao comentário do ADOLFO e não vejo nisso bravata alguma.

De qualquer maneira quero felicitar, quer o Arnaldo Siilva quer o Adolfo, pelos contributos dados ao estudo da obra de Vergílio Ferreira, que vou continuar a estudar....

João Brito Sousa 

publicado por SOUSINHA às 12:27
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. FICA SUSPENSO ATÉ NOVA OR...

. A HORTA BIOLÓGICA

. AS GEADAS

. A CARVOARIA DO PASSOS

. UTENSÍLIOS AGRÍCOLAS

. O TREINO DO SENHOR CARVAL...

. FARO DENTRO DAS MURALHAS

. UM BOM FIM DE SEMANA

. IGREJA DE S. PEDRO

. A RUA DOS BRACIAIS

. AO POETA MANUEL JOSÉ E F...

. A HORTA DOS BRITOS

. O MEU PRIMO SEBASTIÃO BRI...

. AS MOÇAS E OS MOÇOS DO M...

. POESIA DO DR. UVA

. ALÓ SANTA BÁRBAAR DE NEXE...

. FOMOS JOGAR À FALFOSA.

. ESTAMOS A VOLTAR.

. TUDO CHEGA AO FIM.... ATÉ...

. DA IMPRENSA

. VIVA A SOLEDADE URBANO.

. HOUVE FESTA NO SÍTIO DA A...

. AS HORTAS E A GRICULTURA...

. A FRASE DE HOJE

. PORQUE HOJE É DOMINGO

. BOM FIM DE SEMANA PARA TO...

. VELHO DO RESTELO

. CHEGUEI...

. EU NÃO POSSO ACREDITAR...

. A VIDA DIFÍCIL DOS MIÚDOS...

.arquivos

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.favoritos

. SANTA BÁRBARA DE NEXE

blogs SAPO

.subscrever feeds